Abstração

Escrito por Lilian Evangelista

Sei lá o que sou...

Por definição espécie humana, gênero feminino.

Preferia ser mais uma espécie sem definição, talvez isso chegaria mais próximo do que acho que sou.

Clique AQUI para ler o texto na íntegra

 

Reflexo de Deus...

Escrito por Bárbara Carajeleascow

Sou reflexo do teu amor, e espelho da tua beleza Senhor...

Ser a imagem e semelhança de Deus é o que devemos almejar nessa vida.

Clique AQUI para ler o texto na íntegra

 

O espetáculo da corrupção Imprimir E-mail
Qua, 16 de Maio de 2012 00:00

Quem procura, acha. Esse provérbio simboliza bem o enredo político onde Carlinhos Cachoeira e o senador Demóstenes Torres são os protagonistas. Mas os supostos “jornalistas da Revista Veja”, que também participam desse espetáculo – ainda prometem grandes revelações. Uma peça de teatro, talvez com duração semestral. Ou ainda, seja uma peça com repercussão tão boa que renda ingressos durante o ano inteiro.

Tudo começou em meados de fevereiro desse ano. Quando acusado de ser o chefe de uma quadrilha especializada em explorar máquinas caça-níqueis em cinco estados brasileiros, Carlos Augusto Ramos, conhecido pelo elenco como Carlos Cachoeira foi preso. O que parecia ser uma peça teatral comum aos olhos dos brasileiros – já acostumados com temáticas sobre corrupção, tomou outro rumo quando novos personagens, como Demóstenes Torres e outros políticos deram o ar da graça. A partir daí, a peça começou a se desdobrar. Senhoras e senhores, respeitável público: que comece o show da corrupção.

A verdade é que Demóstenes Torres tinha uma grande atuação, mas não queria para si os holofotes. Então antes que as cortinas se abrissem, ele largou seu posto de trabalho no final do mês de março – passando de um dos protagonistas, para telespectador. O que convenhamos, é uma posição muito mais confortável, não?

Mesmo querendo fugir dos holofotes, Demóstenes não conseguiu se esconder totalmente. Um flash e uma notícia aqui, uma manchete na revista de lá, mostravam o quanto esse ator tinha uma áurea negra dizendo: “Demóstenes era manipulado por Cachoeira para ampliar seus negócios e se aproximar do planalto”. Ou algo como: “Senador Demóstenes Torres tinha rádio exclusivo para falar com Cachoeira”.

Agora deixemos o Demóstenes e o Carlos Cachoeira atrás das cortinas, somente por um tempo para que possamos observar como caminha essa peça. Atores mascarados, apenas com o dizer: Veja nas camisetas, começam a ganhar a cena. E então a mídia que é encarregada por divulgar a peça ou até mesmo publicar notícias contando como foi, o que aconteceu ou deixou de acontecer – acabou por ganhar a cena. Sim meus caros, os jornalistas não contentes em assistir o grande espetáculo em suas cadeiras na area vip, decidiram entrar na peça, como atores coadjuvantes. Os comentários que deveriam vir deles – passou a ser para eles. Uma reportagem revelou a influência de Carlinhos Cachoeira sobre a revista Veja, com registro de ligações. Expectadores que assistiam a peça de camarote também resolveram se manifestar como foi o caso do presidente do FENAJ (Federação Nacional dos Jornalistas) afirmando que “nesse caso, houve uma relação promíscua, muito intensa, unilateral.”

A revista Veja saiu da posição cômoda de publicar matérias sobre o caso de Carlos Cachoeira – e passou a fazer parte do problema. Tornando-se parte do elenco. No meio das feras (mídia), ela precisa se defender de todas as acusações, e dar um jeito de sair da mira dos holofotes.

Esse é mesmo um grande espetáculo onde atores protagonistas e coadjuvantes trocam de papeis, e oscilam de importância durante todo o enredo. Senhoras e senhores, respeitável público. Se eu fosse vocês começaria a policiar todas as atitudes e palavras ditas. Porque do jeito que esse elenco é traiçoeiro, nunca se sabe quando os holofotes podem ser virados para nós. Alias fiquem espertos, e garantam seus ingressos de retorno – porque com certeza esse espetáculo vai render um show bis.

Regine Wilstom

regine_wilstom@hotma il.com

 

 

 

Clique AQUI para textos de outros escritores

Clique AQUI para ler textos do VADO

 
 

Livro: Refletir... e Viver" Clique na imagem para comprar

Compre Livros, DVD´s, Informática e muito mais!

Escolha a loja abaixo e clique na imagem

 

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.